Chocolate Rosa de Barry Callebaut cria uma nova categoria de chocolates


Obtido sem a adição de aromas ou corantes, o novo chocolate rosa de Barry Callebaut será colocado ao lado dos tradicionais chocolate ao leite, preto e branco, gerando uma nova e inédita categoria de chocolates, denominada de rosa, que por enquanto contará apenas com os produtos da fabricante suiça. Apesar de ter sido divulgado recentemente, o Rubis, nome dado ao chocolate em referência a uma variedade de cacau do mesmo nome, já conta com mais de 13 anos de pesquisa entre os ateliês de chocolate do grupo.

Lei propõe que Chocolate deve ter pelo menos 27% de Cacau


A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviço aprovou um Projeto de Lei que aumenta de 25 para 27% o percentual necessário de cacau dos chocolates produzidos no Brasil. A proposta, que ainda espera pela aprovação da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, estabelece 10 anos para a indústria nacional se adequar à nova norma e busca melhorar a qualidade dos chocolates brasileiros.

Ovos de Páscoa menores em 2016


A Páscoa de 2016 trará ovos menores: para ficarem mais acessíveis e minimizarem os impactos nos custos do aumento do dólar, muitos fabricantes de ovos de chocolate estão reduzindo os tamanhos e oferecendo ovos menores. Alguns ovos tiveram redução de 70 gramas em seu peso e alguns produtores, como a TopCau, estão lançando miniovos, também para facilitar a aquisição por parte dos consumidores.

Elenco do filme "A Fantástica Fábrica de Chocolate" se reúne depois de 44 anos


44 anos após gravarem o filme, parte do elenco do 1o "A Fantástica Fábrica de Chocolate" se reuniu em um programa de televisão. Eles relembraram o filme, contaram histórias e revelaram alguns segredos, entre os quais eles informaram que o rio de chocolate que aparecia no filme, era na verdade água com corante. O grupo de artistas, entre eles o ator que fez Charlie e o ator que representou o principal Oompa Loompa, revelaram também o amor pelo filme, pela história e que mesmo depois de 4 décadas o filme continua vivo e eles ainda são convidados para participarem de congressos e convenções que reúnem fãs do Willy Wonka original.

Grupo italiano Ferrero adquiriu maioria da Thortons


A Ferrero anunciou a compra da Thorntons, fabricante britânica de chocolates com mais de 100 anos de existência. A Ferrero é a fabricante e proprietária do creme de avelã Nutella, dos chocolates Ferrero Rocher, do Kinder Ovo e das balas TicTac. O valor da aquisição de 29,9% (maioria) da Thorntons foi de 112 milhões de libras, cerca de 540 milhões de reais.

Lenovo apresenta impressora que imprime em chocolate


A Lenovo, gigante da tecnologia, anunciou o lançamento de uma impressora 3D que imprime em chocolate. O funcionamento é igual ao de outras máquinas similares: uma base pastosa composta por Nutella ou Chocolate ocupa o lugar da tinta e é aquecida para derreter antes da impressora dar a forma ao objeto impresso.

Pesquisadora sugere chocolate no café da manhã


Segundo a pesquisadora Daniela Jakubowicz da Universidade de Tel Aviv, ingerir chocolates, proteínas e carboidratos pela manhã ajudam a diminuir o desejo por pratos calóricos no decorrer do dia. A pesquisadora destaca que a refeição da manhã estimula o metabolismo, o que é crucial para emagrecer ou manter estável o peso corporal. A pesquisa sugere que para se ter sucesso no emagrecimento é melhor limitar os desejos do que privar-se totalmente de algum alimento, chocolates inclusive.

Festival do Chocolate e Cacau da Bahia


Com uma programação que inclui shows, exposição e palestras, acontecerá na cidade de Ilhéus/BA, entre os dias 11 e 14 de junho de 2015, o 7o Festival Internacional do Chocolate e Cacau. O Festival, que acontece desde o ano de 2009, objetiva a difusão da cadeia produtiva do cacau e é considerado um dos maiores eventos da área de todo o Brasil. Com atrações como o chocoday, espaço kids, clínicas tecnológicas, workshops e visitas a fazendas de cacau, o evento é certeza de sucesso para produtores, transformadores e consumidores de cacau e chocolate.

Parque do Chocolate em Gramado


Com 200 esculturas produzidas em chocolate amargo que somadas totalizam 20 toneladas de chocolate, o Parque Mundo de Chocolate funciona diariamente em Gramado, das 9h às 22h com atrações como a Casa Branca, a Torre Eiffel e o Cristo Redentor, além de animais, bolsas, sapatos esculpidos em chocolate. Com peças que chegam a quatro metros de altura e pesam até uma tonelada, o parque se encontra em uma área com cerca de três mil metros quadrados e se configura como mais uma atração imperdível de Gramado.

Indústria produzirá mais de 100 milhões de ovos para a Páscoa de 2015


Os principais frabicantes brasileiros de chocolate estimam produzir mais de 20 mil toneladas de chocolate, o que resulta em cerca de 100 milhões de ovos de Páscoa. As oito grandes fabricantes que fazem parte da ABICAB, associação do setor de chocolates, cacau, amendoim, balas e derivados irão lançar 150 novos produtos e novos lançamentos procuram satisfazer tanto o nicho de mercado formado pelas crianças, quanto o público adulto e os mais sofisticados, pois segundo Renata Vichi, da Kopenhagen e Brasil Cacau, existe demanda também para produtos mais elaborados.

AMMA Chocolate abrirá loja em São Paulo


A AMMA, fabricante baiana de chocolates especiais, irá inaugurar em março próximo uma loja localizada no bairro dos Jardins em São Paulo/SP. A loja irá oferecer bolos, pães e produtos feitos com cacau, servirá para exposição de fotos das fazendas da marca e contará também com salas para cursos e palestras.

Cadbury muda receita de chocolate tradicional e causa revolta entre consumidores


A Cadbury é uma fábrica de chocolates muito tradicional que foi adquirida em 2010 pela multinacional americana Kraft Foods. O Cadbury Creme Egg Chocolate é um de seus produtos mais tradicionais, sendo produzido desde 1971 e com vendas anuais de 200 milhões de unidades. Recentemente os consumidores da marca perceberam que a Kraft Foods alterou a fórmula do Creme Egg, o que gerou uma grande controvérsia e muita revolta nos consumidores tradicionais. A mídia repercutiu e é possível encontrar várias notícias sobre a confusão decorrente da mudança na receita. A Cadbury precisou utilizar seus canais de comunicação na Inglaterra, Estados Unidos e Austrália para tentar conter a crescente insatisfação de seus consumidores, que alegam que a empresa mudou a receita para incluir ingredientes de menor qualidade e custo com a finalidade de aumentar a lucratividade do produto em detrimento do sabor. Sinistro!

Consumo de Chocolate na Asia cresce e pressiona oferta


A influência da cultura ocidental, o crescimento da classe média e a mudança de hábitos de consumo representam os vetores de crescimento do chocolate na Ásia. Esse é um cenário preocupante e que desperta em especialistas do mercado de cacau o temor que, devido ao crescimento contínuo por chocolate em todo o mundo, o boom do chocolate na Ásia - especialmente na China - e fatores como turbulências políticas e crises médicas em países produtores importantes façam com que a oferta de sementes de cacau seja insuficiente para atender à demanda global e com isso ocorra tanto um aumento generalizado nos preços do chocolate, quanto o crescimento do mercado de chocolates menos nobres que levam uma quantidade maior de substitutos do cacau.